ESCOLHE POIS A VIDA!

 

Vivemos hoje tempos difíceis em nossa sociedade, pois quase tudo que nos rodeia se torna descartável. A palavra descartar significa livrar-se de alguma coisa, conhecemos isso de quando alguém está jogando as cartas, e o outro o obriga a descartar!

Hoje infelizmente a vida tem para muitos, pouco valor. Vemos isso, nos milhões de abortos que se realizam com a finalidade de descartar uma vida humana movido pelo sentido egoísta do descartável.

Nosso Senhor Jesus Cristo proclamou: “Eu vim para que tenham a vida, e a tenham em abundância” (Jo 10,10). O mais contundente exemplo da defesa da vida foi dado pelo próprio nosso Senhor Jesus Cristo dando a sua própria vida para nos salvar.

No catecismo dos primeiros cristãos (Didaqué) a defesa da vida já era claramente defendida: “Não mate, não cometa adultério, não corrompa os jovens, não fornique, não roube, não pratique magia, nem feitiçaria. Não mate a criança no seio de sua mãe, nem depois que ela tenha nascido” (II,2).

A defesa da vida, nos tempos atuais, tem sido objeto de indiferença e desconsideração, principalmente por parte de políticos, governantes e líderes, que preferem o silencio que a defesa do bem maior que é a vida. Somos sucessores desse povo “santo”, que lutou a favor da vida até as últimas consequências, assim não podemos nos calar , como diz Martin Luther King uma frase de valor inquestionável: “O que me preocupa não é o grito dos maus, mas o silêncio dos bons”.

O Papa Francisco, recentemente convidou os pais a ensinarem seus filhos a defenderem a vida sempre e desde a concepção: “Diante da cultura do descarte, que minimiza o valor da vida humana, os pais são chamados a transmitir às crianças a consciência de que a vida deve ser defendida sempre, desde o ventre materno, reconhecendo que é dom de Deus e garantia do futuro da humanidade”, disse o papa. Acima de tudo Defender a Vida é dever de todo cristão; é seguir os passos de Jesus Cristo.

É necessário saímos de nosso comodismo, pois estamos com a verdade e somos a maioria absoluta. Não tenhamos medo em defender a vida pois Cristo está conosco. Existe uma indústria ávida por dinheiro por trás da questão do aborto e este é um dos motivos pelos quais alguns grupos querem implantar o aborto no Brasil.

É importante saber que a volumosa circulação de dinheiro produzido pelo assassinato de bebês alimenta a indústria farmacêutica (produção e comercialização de diversas drogas abortivas), médicos abortistas e diversas ONGs feministas. Todos ganhando dinheiro com o sofrimento de mulheres e bebês.

Concluo exortando a todos, que neste período que se aproximam as eleições, denunciemos a todos, a não votar em partidos e candidatos contrários a doutrina Cristã Católica, que são comprometidos com as agendas do Marxismo, Socialismo e Comunismo, que defendem bandeiras como o do aborto, da ideologia de gênero dentre outras contrarias a vida e a família.

 

César Qurino

Fundador da Comunidade Missionária Operários da Messe


FALE CONOSCO

  • Rua João Ridley Bufford,79 – Centro Santa Bárbara d’Oeste – SP
  • (19) 3044–3898
  • contato@operariosdamesse.org.br
  • Como Chegar

Pedido de Oração

Pesquise aqui