Derramarei do meu Espírito sobre todos os povos!

 

Ser revestido desse “poder” divino não é simplesmente algo que provoca sensações físicas ou êxtases, mas gera em nós uma consequência direta em nossas ações e mudanças de vida. Aquele que verdadeiramente encontrou com a experiência desse “derramamento”, não fica simplesmente elevado interiormente por uma satisfação pessoal, mas em si reside uma insatisfação que nos leva ao  compromisso de fidelidade e responsabilidade, em resposta concreta a esse encontro. Todo encontro verdadeiro com o Espírito Santo nos coloca com os “pés no chão”, e nos envia ao nosso mundo do cotidiano.

São em nossos desafios, lutas e contrariedades, no trabalho, na convivência social e familiar, enfim, na administração humana e espiritual de nossa vida que comprovaremos verdadeiramente que somos “cheios do Espírito Santo”. Isso é verdadeiramente ser movido pelo “poder” de Deus; quando permito que ELE “possa” intervir e modificar nosso modo de pensar e agir.

A história da salvação comprova essa tese, pois quando olhamos para os personagens narrados na Bíblia ou mesmo no testemunho dos santos que conseguiram iluminar o mundo a partir de seu encontro pessoal com Deus.

A experiência de Pentecostes não se limitou somente as línguas de fogo mais sim ela se tornou autentica e comprovada a partir do momento em que se abriu a porta daquela casa e dali saíram homens e mulheres decididos a ir por Cristo até o fim. Por esse motivo a profecia do derramamento do Espírito Santo começou a ser cumprida no dia de Pentecostes, que marcou a inauguração da nossa Igreja (At 2.16).

Hoje a Igreja continua recebendo o poder do alto e prossegue anunciando a salvação a todos os povos. O Espírito Santo está presente em nosso meio, e nos comprova claramente que não é uma mera influência, mas uma realidade para todos os que o querem. Façamos uma reflexão verdadeira se nossa vida está marcada pela experiência de pentecostes, com essas duas perguntas:

1-      Será que meu testemunho tem conduzido o meu próximo a um encontro autentico com o Espírito Santo?

2-      Minha vida tem sido causa de vida ou morte para meu próximo?

Pedimos  a Virgem Santíssima “Mãe de Pentecostes”, interceda por nós para que sejamos instrumentos potentes nas mãos de Deus.

 

César Quirino

Fundador

 

 

 


FALE CONOSCO

  • Rua João Ridley Bufford,79 – Centro Santa Bárbara d’Oeste – SP
  • (19) 3044–3898
  • contato@operariosdamesse.org.br
  • Como Chegar

Pedido de Oração

Pesquise aqui